domingo, 1 de abril de 2012

Chapter 32


.....
Demi on
Alguns dias se passaram, completando uma semana desde que eu levara Maddie no médico. Durante esses dias ela tomou os remédios, mas eles não pareceram ajudar muito. Hoje nós iriamos ao hospital de novo pra ver a situação dela, então eu acordei mais cedo e me vesti. Maddie não quis acordar, então vesti ela dormindo mesmo e depois desci pra comer alguma coisa, enquanto ela continuava dormindo. Quando estava terminando o café Selena chegou, qualquer desculpa pra faltar à aula valia.

Sel: Onde tá a Maddie? (perguntou pegando uma torrada)
Demi: Lá em cima dormindo.
Sel: Só pra avisar, são sete e vinte e lá começa às oito.
Demi: Eu sei, ela já ta pronta. (disse levantando e jogando minha louça na pia)
Sel: A menina não vai tomar café, não?
Demi: Lá ela toma, não quis levantar. Vai lá ligando o carro que eu vou lá em cima buscar ela.
Joguei a chave pra ela que pegou e saiu, eu subi e peguei Maddie no colo. Por incrível que pareça, ela continuava dormindo profundamente. Desci, tranquei a porta, fui em direção ao carro, coloquei Maddie na cadeirinha e me sentei no banco do motorista. Levamos meia hora até chegar à clínica, já que os semáforos estavam fechados e eu ainda tive que parar para abastecer. Esperamos poucos minutos e logo Dra. Mônica nos chamou. Maddie havia acordado logo que chegamos à clínica e não estava se sentindo bem.
Dra. Mônica: Como você ta se sentindo, pequena? (perguntou pra Maddie enquanto eu a colocava em uma daquelas “camas” de hospital)
Maddie: Meu peito ainda dói... E eu to com sono.
Dra. Mônica: Ela está tomando os remédios certinho, Demi?
Demi: Sim, eu não sei porque não teve nenhum efeito.
Dra. Mônica: É estranho. Deita aqui, Maddie.
Ela se deitou e Mônica fez alguns exames rápidos. Depois perguntou o que ela sentia e nós ficamos esperando ela chegar a uma conclusão.
Sel: Então? (ela anotou mais algumas coisas no papel e ficou observando)
Dra. Mônica: Bom, ela continua com Pneumonia Hipersensitiva, que eu te falei, Demi. Mas a doença avançou, não regrediu como eu esperava. Eu acho estranho que os remédios não tenham funcionado, mas enfim. Ela vai ter que ficar internada, assim nós vamos poder acompanhar a doença.
Demi: Internada? (Maddie que estava sentada me olhou) Quanto tempo?
Dra. Mônica: O tempo que nós precisarmos pra curá-la.
Demi: Ela já vai ficar hoje?
Dra. Mônica: Você quem sabe... Mas quanto antes a gente começar com o “tratamento” mais rápido ela vai embora.
Demi: Tudo bem. (olhei pra Sel e depois Maddie)
Dra. Mônica: Vou deixar vocês falarem com ela. (deu um sorriso acolhedor e saiu da sala)
Maddie: Eu vou ter que ficar aqui? (disse quando eu a peguei no colo)
Sel: Sim, mas é por pouco tempo.
Demi: E pro seu bem.
Maddie: Mas eu não quero. (disse já ameaçando chorar. Ela nunca foi mimada, mas agora estava doente e estressada, então eu entendia).
Demi: Desculpa, tá? (dei um beijo na sua testa)
Sel: Maddie, você não disse que queria que a dor parasse? (ela assentiu) Ela só vai parar se você ficar aqui.
Demi: E eu sei que é chato. Eu odeio hospitais, mas vai ser rápido, você não vai passar muito tempo aqui. (sorri tentando passar confiança, esperava estar certa)
Maddie: Tá. (se jogou em cima de mim, me abraçando. Logo Mônica apareceu na porta)
Demi off.
---Dias depois---
Maddie: Tia Amanda, a Demi vem me ver? (sua voz soava baixinha e rouca)
Amanda: Vem sim, pequena.
Maddie: Quando?
Amanda: Daqui a pouco. Ela só foi ligar pra escola e já vem aqui pra ficar com você.
Maddie: Tá bom. Tia, o JJ tá aí?
Amanda: Sim, quer que eu chame ele?
Maddie: Hum... Deixa. (alguém bateu na porta)
Amanda: Pode entrar.
Demi on:
Demi: Oi? (disse colocando a cabeça pra dentro do quarto)
Maddie: Demi! (ela deu um sorriso quando me viu)
Demi: Oi, meu amor. (fui até ela e lhe dei um beijo na testa) Tia, você pode ir pra casa se quiser.
Amanda: Tudo bem.
Demi: Obrigada por ficar com ela. (lhe dei um abraço)
Amanda: Tudo bem. (sorriu) Eu vou pra casa, descansar um pouco, mas me mantenha informada. (nos despedimos, ela saiu do quarto e eu sentei na poltrona ao lado da cama de Maddie, apoiando minha cabeça ao lado do seu corpo).
Demi: Como você tá? (peguei uma de suas mãos)
Maddie: Com sono.
Demi: Por que não dorme um pouquinho? Você precisa descansar. (levantei minha cabeça para olhá-la)
Maddie: Eu queria, mas meu peito tá doendo. (reclamou baixinho e colocou a mão no local)
Demi: Perai. (soltei sua mão e me virei para pegar o remédio pra dor em cima da mesinha) Abre a boca, Maddie. (ela fez careta e não abriu) Vamos, é de gotinha e não tem gosto ruim. (ela abriu e eu pinguei 3 gotinhas) Viu?
Maddie: Tem gosto de limão! (fez careta)
Demi: Nem tem.
Maddie: Tem sim.
Demi: Madison. (a repreendi)
Maddie: Desculpa. Demi, eles já sabem se eu vou melhorar? (fez biquinho)
Demi: Você vai melhorar. (disse colocando o remédio no lugar) Eles vão fazer mais uns exames hoje pra ver se mudou alguma coisa. (ela bufou) Eu sei que é chato, mas... É pro seu bem, tá? (ela assentiu) Quer dormir agora?
Maddie: Uhum. (murmurou) Deita aqui comigo? (fez biquinho de novo)
Demi: Tudo bem.
Tirei os calçados e sentei ao lado de Maddie, tomando cuidado com ela. Sozinha, ela subiu no meu colo e apoiou a cabeça no meu peito, escondendo o rosto na curva do meu pescoço.
Maddie: Isso vai acabar logo, né? Eu não gosto de hospitais.
Demi: Eu espero que sim...
Maddie: Demi, o aparelho... (me estiquei para pegar o aparelho de respirar ao lado da cama e coloquei nela. Era difícil vê-la assim) Você vai ficar aqui, né? (assenti)

Demi: Quando você acordar, ainda vou estar aqui.
Comecei a fazer carinho nas suas costas e em poucos minutos ela já havia dormido. Me mexi um pouco, procurando uma posição confortável e fechei os olhos. Estava cansada, pretendia dormir um pouco agora.
Acordei com alguém mexendo no meu cabelo. Abri os olhos devagar e vi Joe me encarando.
Joe: Finalmente, to aqui tem 10 minutos tentando te acordar. (ele sorriu)
Demi: Eu to cansada. (sorri amarelo)
Joe: Eu sei. Se pudesse teria deixado você dormir, mas eles pediram pra acordar a Maddie, querem fazer os exames.
Demi: Tudo bem. (olhei para Maddie e ela dormia na mesma posição) Madison... (passei a mão no seu rosto) Maddie? (ela não acordou) Tá passando a Pequena Sereia. (ela abriu os olhos e me encarou)
Maddie: Pequena Sereia?
Joe: Sua irmã é uma boba. Não tem nada, Maddie. (dei língua pra ele e tirei o aparelho de Maddie)
Maddie: Magoou, Demi... (ela fez biquinho)
Demi: Desculpa, meu amor. (alguém bateu na porta) Entra.
Dr. Mônica: Licença. Demi, eu queria saber se eles já podem fazer os exames?
Demi: Sim. (Maddie me encarou) É rápido, tá? Eu já volto.

Oi, gente. Duda aqui c: Como vocês estão? Eu estou um ano mais velha u_u kkkkk
Desculpa a demora, minha vida tá corrida ultimamente -.- Enfim.
Obrigada, meninas que passaram tag pra gente, to arrumando, já vou publicar. Acho que é isso por hoje.
Beijos,
Duda.

8 comentários:

  1. aaaaaaaaaaaaaaaaah
    posta logoooo!
    Parabens, ta um ano mais velhinha... kkk
    Posta ta P-E-R-F-E-I-T-O
    POSTAAAAAAAAAAA

    ResponderExcluir
  2. Own,tadinha da Maddie néh..
    amei muitooooo...
    Quando a Demi vai contar pro Joe que ele é o pai da Maddie,vai demorar?
    Postem Logoooo..Amo vocês

    ResponderExcluir
  3. AAAAAAHHH PARABÉNS DUH, ta mais velinha né haha
    Ta perfeito o capítulo..
    Quando o Joe vai ficar sabendo que é o pai da Meddie?
    Oh Gosh... Essa fic é perfeita o.o

    Postalogo, ve se nao demora mais eim, voces duas Ruum
    Posta rapidinho viu
    Beijo, amo sua fic sz

    ResponderExcluir
  4. aaaaaaaaaaaaaaaaaaa que lindo o capitulo. Tadinha da Maddie =/ O Joe vai descobrir que a Maddie é filha dele quando?
    Poestem logo ta bom? se não eu vou ficar doida aqui
    bjs bjs

    ResponderExcluir
  5. ta PERFEITO
    quando o Joe vai descobrir que é pai da Maddie??³?
    a Maddie vai ficar boa logo né????
    POSTA LOGO
    BeiJemi

    ResponderExcluir
  6. awn q cena linda do Joe com a Demi e a Maddie.. *--* posta logooooooooooooooooooooooooooooooo

    ResponderExcluir
  7. oii to amando sua historia aompanho desde o 1° capitulo mais a priguça não me deixava postaaar agora mudando de pau pra cacete vc pode divulgarmeu blog? se puder agradeçoo http://www.neverletyougoooo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir